Envíanos un email a discernir@discernir.info Síguenos en Facebook Suscríbete a nuestro canal de YouTube Síguenos en Twitter Arriba
"Y enseñarán a mi pueblo a hacer diferencia entre lo santo y lo profano, y les enseñarán a discernir entre lo limpio y lo no limpio. "(Ez. 44:23)
Artículos
Discernimento de Espíritos Leer artículo en españolLer em Português
Dios Falló a Jeremías

A Bíblia nos manda provar os espíritos: "Amados, não creiais em todo espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo." (1 João 4:1)

Notemos que o texto menciona os falsos profetas e diz que são muitos os que têm se levantado pelo mundo.

O Senhor Jesus também nos ensinou a reconhecê-los "Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores.

"Por seus frutos os conhecereis. Porventura, colhem-se uvas dos espinheiros ou figos dos abrolhos?

"Assim, toda árvore boa produz bons frutos, e toda árvore má produz frutos maus. Não pode a árvore boa dar maus frutos, nem a árvore má dar frutos bons.

.

"Toda árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo. Portanto, pelos seus frutos os conhecereis. Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no Reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.

"Muitos me dirão naquele Dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? E, em teu nome, não expulsamos demônios? E, em teu nome, não fizemos muitas maravilhas?

"E, então, lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniquidade." (Mateus 7:15-23)

Vejamos algumas ideias importantes:

  1. O Senhor nos MANDA nos acautelarmos dos falsos profetas. Não é uma opção, uma sugestão ou uma ideia para que consideremos se é atraente para você ou não. É UMA ORDEM DAQULE QUE PAGOU COM SUA VIDA POR SUA SALVAÇÃO.
  2. Uma ordem dada por Deus NÃO ADMITE DISCUSSÃO.
  3. Ele nos avisa que não parecerão ministros falsos, mas sim que virão VESTIDOS COMO OVELHAS, ao mesmo tempo que não dá lugar para a dúvida de como são na realidade: lobos DEVORADORES. O dicionário define "devorador" como "que devora; insaciável" (em inglês e espanhol, a palavra usada é "rapace", que significa "ávido em apresar; que tem o hábito de roubar; ávido de lucro"). É parecido a o que os falsos ministros fazem?
  4. No início do capítulo, manda-nos JULGAR com JUÍZO JUSTO. Neste trecho do texto nos diz como nos acautelarmos e julgaremos os falsos profetas: devemos observar SEUS FRUTOS. Isto é, o que oferecem do seu interior. Algumas definições de fruto:
    1. Producto o resultado obtenido.
    2. Produção do engenho ou do trabalho humano.
    3. Produto do desenvolvimento do ovário de uma flor depois da fecundação. Nele ficam contidas as sementes.
    4. Este último aspecto é interessante, pois o fruto contém a semente que dará continuidade para a planta. Quer dizer, o fruto da obra de um falso ministro leva também consigo a semente para que o seu engano se perpetue. Isso é EXTREMAMENTE GRAVE.

  5. Diz que os que dão maus frutos serão ENVIADO PARA A CONDENAÇÃO ETERNA. Recomendo ler 2 Pedro 2.
  6. O Senhor sabe que essa gente utiliza Seu nome e faz sinais e maravilhas. Mas, ainda assim, os envia para a condenação, dizendo que não os conhece e os chama de PRATICANTES DE INIQUIDADES.

Muitos, hoje-em-dia, ainda que os tempos sejam muito perigosos para deixar de se congregar, o estão fazendo porque já não suportam a imundícia que tem se infiltrado em muitos púlpitos. Enfatizo: MUITOS.

Esses depredadores têm tido a permissão de invadir as congregações e saquear o povo de forma escandalosa. Depois, foram expulsos, porque um verdadeiro filho de Deus não suporta tanta sujeira durante muito tempo Trata-se de incompatibilidade de espíritos.

Apliquemos o que o Senhor Jesus nos ensina e observemos a trajetória de um ministro, profeta, apóstolo, pastor, etc., perguntando-nos:

Se fizermos um estrato do que essa pessoa ensina,
NOS APROXIMA A CRISTO OU NOS APONTA EM OUTRA DIREÇÃO?

Jesus nos MANDOU ir e fazer discípulos. Porém, não nossos discípulos, mas sim SEUS. "... É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; 20 ensinando-as a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até à consumação dos séculos. Amém!" (Mateus 28:18-20)

Prestemos atenção em que diz que façamos discípulos, ensinando-lhes a guardar as coisas que ELE nos mandou.

Ponhamos em prática essa ferramenta. Eu proponho que pense em uma pessoa cuja pregação você conhece já faz tempo. Agora, tente resumir o que ensina em uma ideia ou palavra. Ex.: Cristocêntrico, dinheiro, autoajuda, demônios, triunfalismo, etc.

Vou tomar a liberdade de mencionar um servo de Deus que respeito e admiro muito, e que já partiu com o Senhor: David Wilkerson. Não tive o privilégio de conhece-lo pessoalmente, mas sim li e ouvi suas pregações e ensinamentos.

Quando penso em David Wilkerson, o que me vem à mente é Cristo, arrependimento, oração, preocupação pela salvação dos outros, etc.

O que esse homem ensinou inspira-me a seguir a Cristo; a vigiar meu coração e arrepender-me dos meus pecados e orar ao Senhor, procurando uma maior comunhão com Ele; a pregar o evangelho.

Agora, vou falar sobre o que me inspiram os ensinamentos de uma pessoa em Centro América, conhecida internacionalmente. Prefiro não mencionar seu nome, ainda que alguns de vocês o reconhecerão. Quando penso no que ensina, chega à minha mente: demônios, principados, autoridade, poder, domínio, cobertura de homens, auto exaltação, guerra, etc.

Em outras palavras, um me inspira a aproximar-me de Cristo e a predicar o Evangelho, enquanto que o outro me enche a cabeça de fanfarraria sobre demônios e autoridade (autoritarismo) de homens.

Você entende como discernir qual é o E/espírito age em um ministro?

Aplicando isto que o Senhor Jesus nos ensinou, você não estará julgando a pessoa, mas sim saberá se deve continuar ouvindo seus ensinamentos ou não.

Sería muy enriquecedor que me escribierais diciendo qué pensáis al respecto. Lo podéis hacer por el inbox de Facebook o por el email discernir@discernir.info.

Lembre-se: "O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento" (Oséias 4:6)

Recomende esta páginaLer a Política de Cookies e Privacidade


Quer receber uma cópia do e-mail? Sim Não

Ir a la Hemeroteca